sexta-feira, 11 de março de 2011

Esposo??

Hoje para não variar recebi mais uma chamada anónima e mesmo sabendo que ia ser mais uma daquelas coisas que não interessa a ninguém lá atendi, era do Barclays para me informar das vantagens em mudar para lá, do cartão de crédito e blá blá blá, a senhora pergunta-me quanto é que eu pago de anuidade, como eu não sabia disse, claro está, que não sabia, qual não é o meu espanto quando a senhora se começa a rir feita parva com ar de gozo e me diz "Então e como é o seu esposo que trata dessas coisas, quando é que posso ligar para falar com ele?"  e eu com uma vontade enorme de passar o dia inteiro a  dar-lhe carolos naquela cabeça, tipo Shin chan, entro no jogo dela e digo "Pois minha senhora aqui em casa ele é que manda, ligue mais tarde lá por voltar das 20h que ele teria muito gosto em falar consigo".

1º-Quem é que lhe disse que eu tinha esposo, lá por não ser eu a tratar das coisas (é a minha mãe, uma fofa) não quer dizer que esteja casada e afins;
2º- Para não perder o seu tempo nem o meu, podia ter feito só a seguinte pergunta "É  estudante?" e logo me dizia adeus com muita tristeza porque sabia que eu não podia ter nada disso que me estava para ai a impingir (fontes seguras revelaram-me isto, eu não sabia).

Como é obvio logo à noite não vou atender, sorry!


1 comentário: